VACINAS Para GATOS E GATINHOS. Quais São Obrigatórias E Quando Colocá-Los 2

VACINAS Para GATOS E GATINHOS. Quais São Obrigatórias E Quando Colocá-Los

Cada vez há mais vacinas para gatos no mercado, e pra que não se lies, essa entrada se desejamos relatar quais são as vacinas mais recomendadas ou mais relevante para o teu gato adulto ou o seu gatinho. Ademais, vamos enxergar contra que doenças protegem estas vacinas para gatos, a partir de que idade se vacunan os gatinhos ou no momento em que vacinar um gato adulto. Você entende a cada quanto tempo tem que vacinar teu gato? O poste de hoje em PetDarling, resolvemos estas questões frequentes!

Como em diversos outros focos relacionados com nossos animais de estimação, não há um consenso total em conexão ao que vacinas devem ser administradas aos gatos. O tópico das vacinas em gatos e cães é controverso, e ainda faltam estudos conclusivos pra solucionar outras perguntas que atualmente continuam a nos propondo.

As vacinas pra gatos são um tratamento preventivo das doenças, e que consiste em inocular vírus atenuados ou inactivados no corpo humano, para que este produza anticorpos de defesa contra o vírus. Gera-Se assim sendo uma certa memória imunológica no corpo em frente a certas doenças. Mas em vacinas não é ouro tudo o que brilha, e algumas interessantes contra-indicações, sempre que que algumas não protegem da doença por 100% dos indivíduos, por causa de uma percentagem de gatos não consegue inmunizarse.

Nós decidimos mostrar-lhe de seguida as vacinas que existe mais consenso a nível internacional, e em geral todos os gatos, sejam eles interiores ou exteriores deveriam recebê-las. Não obstante, este artigo é meramente informativo, você deve consultar teu veterinário pro seu caso concreto e seja consciente de que precisa cumprir a legislação do ambiente em que reside, em matéria de vacinas animais. O Atento, aí irão as vacinas mais essenciais! Quais as vacinas são colocados à um gatinho? Em primeiro espaço, tenha em conta que para pôr vacinas gatinhos, eles necessitam estar desmamados, ou melhor, que de imediato não mamen da mãe gata.

Se não, os anticorpos que a mãe passa pras suas crias no leite, poderá interferir com o modo da vacina. De acordo com a idade do gato, vão administrando diferentes vacinas. A partir das 8 semanas de vida, os gatinhos recebem a sua primeira dose de vacina trivalente contra panleucopenia felina, rinotraqueitis e calcivirosis.

Passadas quatro semanas tem que ser colocada uma segunda dose de reforço trivalente, que irá certificar-se de que o gatinho criou os anticorpos necessários corretamente. No caso de que seu gatinho tenha acesso ao exterior, tem que-se substituir a vacina trivalente por uma vacina tetravalente mais completa, que inclui assim como proteção contra a leucemia felina. O reforço desta vacina seria como no caso anterior, uma dose lembrete 4 semanas mais tarde. Entre os 3 e os seis meses de idade prontamente é possível vacinar os gatos contra a raiva.

  • Um Perigos pros mineiros
  • Uma viagem de fim de curso a SilliconValley
  • Em seu currículo constam todos os clãs, os que tens passado
  • 3 Características do idoso frágil[13]
  • Estrelas e Galerias (22)

No caso de que seu gato viva em residência, sem acesso ao exterior, e sem contato com outros gatos, o seu plano de vacinação começará em direção às oito semanas de existência, com uma dose de vacina trivalente. Esta vacina trivalente protege contra panleucopenia felina, rinotraqueitis e calcivirosis, 3 doenças transmissíveis muito comuns. Passadas 4 semanas após a primeira vacina, deve pôr-se o reforço, que consiste numa segunda dose lembrete para proporcionar que o sistema imunitário do gatinho foi montado com êxito os anticorpos contra essas doenças.

Se, pelo inverso, o teu gato tem acesso ao exterior, ou tem contato com outros gatos externos à sua residência, é conveniente o vacinar bem como contra a leucemia felina. Neste caso, seguiremos o mesmo plano de vacinação nas datas acima referidas, mas, simplesmente, em vez de pôr apenas a vacina trivalente colocaremos um que inclui essa trivalente mais leucemia numa única vacina. Isto apresenta uma amplo vantagem, porque com essas 2 doses de vacinas para gatos, você estaria cobrindo 4 doenças felinas consideráveis e muito comuns. A vacina da raiva se coloca no momento em que o gatinho tem entre 3 e seis meses de idade. Esta é uma vacina obrigatória por lei para viagens internacionais com seu gato.

Também é obrigatório (mesmo que não viagens) se vives em alguns países. Por não ser obrigatória em todos os lugares, nem sequer todos os proprietários vacunan contra a raiva pra seus gatos. Consulta com seu veterinário, que te informa sobre a legislação recinto e a incidência desta doença na sua localidade, pra que saibas como se deve colocar esta vacina para o seu gato.

Em nenhum caso deve-se imunizar um gatinho ou o gato que está doente, ou apresentar cada sintoma de doença. Atenção, é essencial respeitar os prazos de os reforços das vacinas. O que acontece se, como por exemplo, só colocamos a primeira vacina trivalente, e deixamos passar seis meses sem vacinar o reforço? Nesse caso, a primeira vacina não serve para nada e será um dinheiro gasto com o veterinário no balde.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima