Répteis Da Costa Rica 2

Répteis Da Costa Rica

Costa Rica tem desempenhado um papel fundamental no estudo da biologia tropical, bem como o desenvolvimento do ecoturismo. A diversidade da fauna da Costa Rica, incluindo os grupos de répteis, favorece para a estabilidade dos ecossistemas naturais. A herpetofauna conhecida como répteis adicionam 227 espécies, das quais 7 espécies estão em perigo e 28 pressionadas ou reduzidas. Os répteis são animais vertebrados de sangue gelado, de pele grossa coberta por escamas firmes e, geralmente, deixam os seus ovos na terra. Lhes atrai viver em lugares improvisados, como rochas, cascalho, troncos, tabelas, etc

Estes animais têm pernas curtas, ou são inexistentes, o que se deslocam de um local para outro, arrastando-se pelo chão. Inclui animais como cobras, cobras, tartarugas, lagartos, garrobos, iguanas, lagartos, crocodilos, jacarés, guajipales e camaleões. Crocodilos: Crocodylus acutus são os de superior tamanho e vivem perto de rios e lagoas.

Por sua corpulência, até 4 m de comprimento, são temidos e pretexto de atracção turística. Jacarés ou guajipales; Em portugal comuns em lagoas e margens de rios. São muito caçados pela sua carne e couro para a elaboração de artesanatos ilegais. Mais de 50 espécies encontradas pela classe de lagartos e afins, por exemplo os lagartos, anolis e basiliscos.

São muito imensos e inofensivos, habitando em todos os ecossistemas, incluindo casas de quarto. Pequenos e frágeis, contribuem pra biodiversidade de florestas onde atendem nichos de controle de espécies menores e insetos. Um dos basiliscos conhecido como lagarto Jesus Cristo atravessa os rios e riachos correndo sobre a água.

  • 1 História 1.1 Reconhecimento do modelo
  • Fácil de limpar: zíper independente, totalmente removível e lavável
  • Ração Royal Canin Água
  • doze Village Mais Sant Josep
  • Limpa a cada parte dele com um limpador que acabe com o mofo
  • Categoria:Wikipedistas fãs de Pais e Filhos Fato

A este grupo pertence o camaleão comum. Os cobras de superior tamanho, três espécies, executam porção do habitat costeiro e nas florestas tropicais. São muito diversos e de acessível análise, descansando em pedras e galhos de árvores. Cobras não venenosas: por volta de 120 espécies de cobras inofensivas, entre as quais se acrescentam as cobras cegas, aquáticas, píton e boas.

Se alimentam de menores animais e ovos. Entre estas localizam-se as que imitam novas cobras venenosas, como as falsas corais. Algumas boas são as preferidas como animais de estimação por seu temperamento dócil. Víboras: adicionam-se qualquer coisa mais de vinte espécies de cobras venenosas, entre as quais se mostram as corais, bejuquillas ou serpentes arborícolas, loras, bocaracá, enfeites, mão de pedra, toboba, tamagá e a temida veludo. Também se localizam cascavéis e serpentes marinhas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima